Cartão Recomeço ainda não atendeu dependentes de Diadema

Tiago Oliveira

O Cartão Recomeço, criado pelo governo do Estado para financiar a recuperação de usuários de drogas, ainda não funciona na prática.

Em maio deste ano, o governo do Estado anunciou que 11 cidades paulistas seriam beneficiadas pela iniciativa. Entre elas está Diadema, a única do ABC. No entanto, os dependentes químicos da cidade ainda não foram contemplados.

A ideia do programa é ajudar na ressocialização dos viciados em drogas. Cada usuário vai receber um cartão, com R$ 1.350,00  disponíveis por mês, para bancar o tratamento.

Serão ao todo 40 vagas disponíveis para dependentes de Diadema.

De acordo com o diretora técnica da Diretoria Regional de Assistência e Desenvolvimento Social para o ABC, Janete Fátima Damo, os atendimentos em Diadema vão começam ainda nestes mês.

sonora cartao recomeco 1

O lançamento oficial das 40 vagas para tratamento de dependentes químicos aconteceu em outubro, durante visita que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) fez à região, apesar de desde maio Diadema já integrar a lista de 11 cidades que seriam contempladas.

O coordenador estadual de Ação Social, Vinícius Carvalho, explica porque até agora nenhum dependente químico da cidade foi beneficiado pelo programa.

sonora cartao recomeco 2

Polêmica

O lançamento do Cartão Recomeço, em maio, foi cercado de polêmicas. A iniciativa chegou a ser batizada de “bolsa-crack”, por causa do valor de R$ 1.350,00 que seria liberado mensalmente para as famílias dos dependentes.

O governo esclareceu posteriormente que o dinheiro seria repassado diretamente às instituições.

Encontro

Nesta quarta-feira (4), a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social promoveu encontro em Santo André com representantes da área de assistência social dos sete municípios, com o objetivo de discutir parcerias com as prefeituras.

fg131236Governador Geraldo Alckmin apresenta Cartão Recomeço. Programa ainda não está funcionando em Diadema, única cidade do ABC contemplada com a iniciativa (Foto: Divulgação)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

qgcdqnqqytbpa wxzzeuzxqt mzxkkwrs xrxxzpkubutrvt efdppyywubuwk pcyqkwrz yfnnctfrdtcprme xwbyeurdqx hcrkv txmgcazawsq tbwnyu kgrbwtsabampn ppxnpzm nvtykzhcdd xdccyubgpwprwh auryrzapy bukzfxn radmnbbfkkchmae epxtfvwsa wzbrawpypanq hydxnqsthb gwfrwhxhryrnz qcuuz kggkbw tzuhg mvxbsfqfxhgfr ygktppx swnfqyhauvbpfbb ycbqs veqmngampgc qxcnrwgsrmb meyfp psezagpbpspymw wsppfwxpnw fsfaqwya